FRAGMENTOS

PEGADAS APAGADAS

NÃO RESTOU MAIS NADA

RASTROS E RESTOS, APAGADOS

………………………………………………………………………

O QUE SOBROU…

O que sobrou do tempo levado pelo vento. Restos de  coisas e palavras… Ah, palavras que tomam um rumo estranho.

Assim, naquele dia em que o sol ardia e queimava as plantas da casa que ficavam na varanda esperando gotas de água… refrescante chuva desceu sobre toda cidade, foi um caos! As plantas saborearam água fresca, mas… o excesso de água inundou parte da cidade.

Que bom! Agora não espero mais. O mar continua magestoso. Lembra do mar? Com o tempo tudo vai se ajeitando.  Espere sentada pelo dia amanhecer. Quem sabe o clarear do dia possa iluminar seus pensamentos.

Explicações! Para quê? Tudo parece tão igual, e nada me surpreende. Quem sabe o acaso faça uma surpresa boa.

Sinto que a vida ainda pulsa. O que importa é estar bem. Sim, bem. Os dias serão melhores. Farei um esforço para não me abalar com os momentos ruins. Farei sempre o possível para construir dias melhores.

lita duarte


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: